header top bar

section content

Atriz sofre ataque racista e gordofóbico após gravação como bombeira para filme

Amigos e fãs apoiaram Cacau na luta contra o racismo, e afirmaram estarem juntos com ela.

Por SHOW DIÁRIO

29/11/2019 às 09h30

Cacau Protásio (Foto: Divulgação / TV Globo)

A atriz Cacau Protásio de 44 anos, foi mais uma vítima do racismo.

Cacau recebeu ofensas racistas e gordofóbicas, denegrindo a imagem da atriz após gravar cenas de seu próximo filme, “Juntos e Enrolados”, em um quartel dos bombeiros no último domingo (24), no Rio de Janeiro.

As mensagens foram compartilhadas por agentes da própria corporação através do aplicativo de mensagens Whatsapp.

Antes das ofensas circularem nas redes sociais, atriz que feito um post em seu instagram onde agradeceu pela acolhida dos após a gravação. Após ter conhecimento das ofensas racistas, a atriz emocionada, se pronunciou em sua página na web.

Amigos e fãs apoiaram Cacau na luta contra o racismo, e afirmaram estarem juntos com ela.

O Corpo de Bombeiros quer identificar os ataques racistas e através de nota, afirmou não compactuar com qualquer ato discriminatório, e que se solidariza com a atriz.

Um procedimento interno foi aberto para identificar os envolvidos no crime e apurar a conduta e que atos divulgados não representam a corporação.

SHOW DIÁRIO

SOLIDARIEDADE

VÍDEO: cantora cajazeirense distribui mais de uma tonelada de alimentos arrecadados em Live Solidária

PARABÉNS

VÍDEO: no dia Nacional do Cigano, conheça a maior comunidade que vive em Sousa, Sertão da Paraíba

EXCLUSIVO

VÍDEO: Família abre cova para sepultar parente que morreu de Covid-19 e denuncia abandono em Cajazeiras

FEZ UM 'RANKING'

VÍDEO: Médico diz que Cajazeiras é ‘vice-campeã’ em óbitos por Covid-19 no Sertão, e alfineta a gestão

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!