header top bar

section content

VÍDEO: Em Cajazeiras, médica explica o que é ‘prato colorido’ para quem quer perder peso com saúde

No programa Xeque-Mate, a médica endocrinologista Gessiany Pinheiro deu orientações importantes sobre como formar um prato que agregue todas as necessidades básicas do organismo

Por Jocivan Pinheiro

22/04/2019 às 17h19 • atualizado em 22/04/2019 às 17h30

Alimentação balanceada é a principal maneira de evitar ganho exagerado de peso e manter a saúde em dia. Por isso profissionais como nutricionistas e endocrinologistas são cada vez mais importantes para acompanhar essa alimentação.

No programa Xeque-Mate da TV Diário do Sertão, a médica endocrinologista Gessiany Pinheiro deu orientações importantes sobre como formar um prato que agregue as necessidades básicas do organismo.

Ela explica que o ‘prato equilibrado’ deve trazer uma variedade de cores, pois os diversos nutrientes necessários para uma boa alimentação estão representados nas cores dos alimentos.

“Quanto mais colorido, melhor é o prato. A gente fala que esse prato equilibrado é onde deve ter todos os nutrientes necessários para o organismo”, diz a médica.

VEJA TAMBÉM: Saiba como desintoxicar o corpo e perder peso com limão e tomate

Médica endocrinologista Gessiany Pinheiro

Um prato equilibrado, segundo Gessiany, deve conter carboidratos, proteínas, gorduras, vitaminas e fibras, e seu colorido é dado principalmente pelas verduras e frutas.

“Geralmente os nutrientes estão acessados a pigmentos. Então, quanto mais cor tiver aquele prato, mais nutrientes ele vai ter”, frisou.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

VÍDEO

Secretário de João Azevêdo defende aproximação de Dra Paula e Zé Aldemir ao Governo estadual

BRIGA NO CARNAVAL

VÍDEO: Autoridades policiais revelam que suspeitos do crime na Vila Nova em Cajazeiras alegaram vingança

SAÚDE

VÍDEO: Mensagem Empresarial recebe médico radiologista e tira dúvidas sobre os exames por imagem

CRISE NO PSB

VÍDEO: Nonato Bandeira evita dar resposta a Ricardo por determinação de João Azevêdo: “Estamos focado no trabalho”