header top bar

section content

Prefeito anuncia programação da festa do padroeiro de Bonito de Santa Fé com dois dias e seis bandas

Realizada pela prefeitura municipal, a festa é considerada o São João antecipado da região

Por Jocivan Pinheiro

21/05/2019 às 13h56 • atualizado em 21/05/2019 às 13h58

Programação da Festa do Padroeiro Santo Antônio, em Bonito de Santa Fé-PB

Seis bandas vão animar a tradicional festa de Santo Antônio, em Bonito de Santa Fé, nos dias 11 e 12 de junho. Entre as atrações está a veterana Kátia Cilene, ex-vocalista da banda Mastruz com Leite. Completam a programação as bandas Thúlio Milionário, Alberto Bakana, Nós na Farra, Dedé Moral e Banda do Vaqueiro.

Realizada pela prefeitura municipal, a festa do padroeiro de Bonito de Santa Fé, considerada o São João antecipado da região, acontece em praça pública e de graça. Além das bandas, o evento tem comidas típicas e outras atrações que valorizam as tradições culturais sertanejas da época.

VEJA TAMBÉM: Prefeito anuncia autorização para processo licitatório de pavimentação de ruas em Bonito de Santa Fé

No dia 11 se apresentam Thúlio Milionário, Alberto Bakana, Nós na Farra. Dia 12 é a vez de Kátia Cilene, Dedé Moral e Banda do Vaqueiro.

A festa promete atrair um dos maiores públicos dos últimos anos com muito forró tradicional e do momento, além de uma estrutura que oferece segurança ao público.

Principal atração do evento, Kátia Cilene está fazendo carreira solo desde 2016 e promete levar ao público sucessos antigos e músicas novas como “Tem Jeito Não, Meu Coração é do Sertão”, que conta a paixão do nordestino por suas origens.

SHOW DIÁRIO

Recomendado para você pelo google

PROTESTO

VÍDEO: populares vão às ruas para protestar contra a reforma da Previdência na cidade de Patos

VEJA VÍDEO

Padre de Cajazeiras revela curiosidades sobre o santo casamenteiro: “Faz milagre a pessoa encalhada”

SAÚDE

Dieta milagrosa? Médico diz que a compulsão e afetividade pela comida são perigosas para o emagrecimento

VÍDEO

Mototaxista reclama de multa cobrada na Zona Azul da cidade de Cajazeiras; “Está errado”