header top bar

section content

Ex-panicat diz que recebeu salário de R$ 100 no Programa Pânico e fala sobre câncer que enfrentou

A ex-panicat falou que enfrentou um câncer em 2016

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

14/11/2017 às 08h32

Tânia, ex-panicat

Famosa como uma das assistentes de palco mais queridas pelo público do ‘Pânico na TV’, Tânia Oliveira, hoje com 38 anos, não guarda boas lembranças do humorístico. Em conversa com o Notícias da TV, a modelo revelou, dentre uma série de problemas, que recebeu salário de apenas R$ 100 durante 4 anos no programa.

“Todo o tempo em que eu fiquei no Pânico tinha um cachê de R$ 100 por gravação externa e pela participação no programa ao vivo. Não existia salário, não sei como é atualmente, mas foram quatro anos recebendo isso. Não dava para pagar minha faculdade, era bem complicado”, conta.

Durante o período no ‘Pânico’, entrentanto, a moça posou para a Playboy em 2006, e foi com essa cachê que ela diz ter pago o seu carro e a faculdade de Educação Física.

Em dezembro de 2016, a então apresentadora, já fora do humorístico, descobriu um câncer na tireoide. “É um choque quando você recebe o diagnóstico, mas a doença pra mim foi um divisor de águas, passei a valorizar muito mais outras coisas da vida. Foi ótimo. Minhas amigas brigam comigo [quando digo isso], ‘Credo, você fala que foi ótimo ter tido um câncer’. Falo, passei a enxergar a vida com outros olhos. Sou outra pessoa depois do câncer, aprendi muito”, arma.

Notícias ao Minuto

Tags:
OPINIÃO CONTUNDENTE

EM DECADÊNCIA?: Ex-radialista compara as rádios de Cajazeiras a ‘relacionamento que perdeu o sabor’

QUER APROVAÇÃO?

ENEM 2018: Cursinho inova em Cajazeiras com grande equipe de professores e dinâmica moderna de ensino

PARA A ETERNIDADE

VÍDEO: Programação de 70 anos do Atlético começa com exposição histórica que promete encantar Cajazeiras

ALFINETOU

VÍDEO: Aliado do prefeito destaca asfaltamento de ruas de Cajazeiras e alfineta grupo de Carlos Antonio